TCM Agosto: Destaques da programação

Ir em baixo

TCM Agosto: Destaques da programação

Mensagem por Oiac em Sex 20 Jun 2008, 23:22



Especial TCM

LUZ, CÂMERA… AÇÃO!

Em agosto, os heróis mais durões do cinema abrem caminho na tela do TCM com muitos golpes e disparos, em um especial que celebra a essência do gênero de ação. Roteiros instigantes, diretores que fizeram história, personagens expressivos e astros cheios de carisma – mesmo antes de os efeitos especiais e os orçamentos multimilionários darem sua contribuição.

Dos músculos e gritos estranhos de Bruce Lee à silenciosa e pesada contundência do lutador de rua interpretado por Charles Bronson; da Magnum fumegante e os métodos sujos de Harry para combater o crime ao estilo “cool” do detetive Bullit; de Stallone como um policial incorruptível a McQueen como um assassino que foge da lei.

Mas os tipos rudes não estão somente nas telas: atrás das câmeras, o sempre feroz Sam Peckinpah dirige uma fuga recorde com disparos e carros estraçalhados; Walter Hill agrega uma dose extra de adrenalina a suas histórias repletas de heroísmo e coragem em Ruas de Fogo e no cultuado Os Selvagens da Noite; John Carpenter nos mostra um futuro apocalíptico em Fuga de Nova York, o mais áspero dos contos de sobrevivência nas ruas da Big Apple, transformada em uma gigantesca prisão.

Perseguições, tiroteios, assassinatos… sem concessões e com muita adrenalina. Este mês, dezoito títulos extraordinários invadem a tela do TCM, ao pronunciar o famoso e contundente grito de Luz, Câmera e, sobretudo, Ação!

Todas as Quintas e Sábados com inicio às 22h.



TCM Spotlight
DAMAS OU CAVALHEIROS

Espíritos de mulheres que entram no corpo de homens, como Lily Tomlin no corpo de Steve Martin em Um Espírito Baixou em Mim; ou homens que querem ter um trabalho e, para isso, disfarçam-se de mulher, como o ator desempregado interpretado por Dustin Hoffman em Tootsie. Homens que fogem de outros homens e acreditam que a melhor maneira é disfarçando-se de mulher, para acabar
sendo perseguidos por outros homens que os consideram irresistíveis, como acontece com Jack Lemmon e Tony Curtis em Quanto Mais Quente Melhor; e uma mulher que, na década de 30, para triunfar no show business, sempre ávido por novidades, resolve aparentar ser um homem que, por sua vez, finge ser uma mulher – quer dizer, uma mulher na pele de um transformista, como Julie Andrews em Vitor ou Vitória.


Damas ou Cavalheiros… apresentamos um Spotlight cheio de transformações e confusões.

Todas as Segundas às 22h.



CECIL B. DEMILLE: MESTRE DO ESPETÁCULO

Em mais um aniversário de seu nascimento, o TCM presta uma homenagem ao primeiro homem que realizou grandes épicos bíblicos, o primeiro a usar alto-falantes em um set de filmagem para dirigir centenas de extras, o primeiro a utilizar o sistema technicolor, o primeiro a fazer uma entrevista jornalística em um avião e o segundo a dividir as águas do Mar Vermelho.

Cecil B. DeMille esteve no centro das atenções continuamente, desde a fundação de Hollywood (pela qual é responsável – foi o primeiro a mudar-se à costa oeste para rodar seu primeiro filme em 1914) até a era do Cinemascope. E, durante todas essas décadas, dominou as grandes audiências – que o viam como um líder militar. De fato, DeMille sempre construiu rigorosamente seu papel de homem todo poderoso, com um guarda-roupa composto por botas de montaria, chicote e pistolas com aplicações de diamantes.

Ainda que poucos se lembrem, certa vez, foi considerado um inovador, ao lado de D.W. Griffith. Segundo Martin Scorsese, DeMille “… apresentou fantasias tão suntuosas que, se vistas na infância, ficam gravadas por toda a vida. O maravilhoso supera o religioso. O que me lembro mais vivamente são as cores, a característica de sonho de suas imagens e, claro, os efeitos especiais”.

Terça 12 de Agosto com inicio às 15h20



80º ANIVERSÁRIO DE JAMES COBURN

De olhos azuis e impenetráveis, James Coburn começou sua carreira cinematográfica em Sete Homens e Um Destino. Durante os anos 60, sua estrela foi se firmando em diversos papéis de ação, aos quais sempre impôs sua mistura peculiar de laconismo e solidez de caráter, características que, como seus olhos, o comparavam a outro galã contemporâneo de ação, Steve McQueen (com quem também compartilhava a paixão por caratê e a amizade de Bruce Lee).

Seus papéis mais importantes vieram nos anos 70, com duas obras mestras dirigidas por Sam Peckinpah. A primeira foi Pat Garret & Billy the Kid, em que interpreta o complexo Garrett, amigo e “Judas” do mítico Billy the Kid. Mas talvez a maior conquista interpretativa de sua carreira foi o Sargento Steiner em A Cruz de Ferro. Uma das produções mais loucas e violentas de Peckinpah, o filme faz uma incursão a um dos capítulos mais selvagens da Segunda Guerra Mundial: a anárquica retirada alemã da Rússia. E Coburn faz uma atuação intensa, interpretando um personagem às vezes cruel e sádico e, às vezes, o último são, em uma guerra filmada em toda sua crueldade e intensidade.

Em 1997, ele ganhou o Oscar® por seu papel em Temporada de Caça, com sua estatura imponente e o passar dos anos que pareceram realçar ainda mais sua presença. Coburn faleceu um ano depois, com sua estrela ainda brilhando.

Em agosto, o TCM celebra o 80º aniversário do herói calado, mas de grande presença, do artista que jamais passou despercebido, do homem simples que amava fazer cinema tanto quanto o perfume de um charuto cubano recém-aceso.

Domingo 31 de Agosto com inicio às 16h30

_________________
avatar
Oiac
Administrador
Administrador

Masculino Número de Mensagens : 16
Data de inscrição : 29/04/2008

Ver perfil do usuário http://animemangaetvpaga.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum