Jornal da Globo: O mundo dos Mangás

Ir em baixo

Jornal da Globo: O mundo dos Mangás

Mensagem por Haruhi Yakuza em Qui 19 Jun 2008, 05:02

Foi-se há muito, há muito, o tempo em que se ridicularizava os heróis de desenhos animados e histórias em quadrinhos japonesas.

Mangás e animês conquistaram um público universal, baseados em
valores que também são universais. E é justamente o universo pop do
Japão, o tema da segunda reportagem da série sobre cultura japonesa.

Uma mina de ouro brota do papel-jornal e projeta para o mundo a face pop da potência tecnológica.
Pelos traços do desenho, o Japão dos bits e bytes se impõe também como exportador de cultura.
"O mangá está aí com força total hoje dominando boa parte do mercado,
deixando até heróis tradicionais americanos pra trás. Hoje é um
fenômeno mundial", diz Marcelo del Greco, editor de mangá.
O tempero das histórias é o caráter humano dos personagens.
Nesse mundo de fantasia, os heróis envelhecem e sofrem como qualquer
mortal.
“Eu gosto bastante das histórias, do fato dos personagens serem
bem humanos e passarem coisas que a gente passa no nosso cotidiano. Por
isso a gente se identifica bastante com eles”, explica Açunciara Azima,
professora de mangá.
Essa química que vende mais de um bilhão de revistas por ano no Japão, criou um exército de aficionados no Brasil.
Oito anos depois de produzir os primeiros mangás, as editoras daqui despejam, em média, 200 mil exemplares nas bancas todo mês.
Lendo os quadrinhos, Jefferson aprendeu o idioma do pai. Hoje, mantém uma coleção de 500 títulos.
"Os valores são bastante realçados nos mangás assim, a honra, a
dignidade, a amizade, esse tipo de valor que eu acho atrai o japonês e
também quem não é japonês", diz Jefferson Kayo, colecionador de mangá.
A palavra mangá foi usada pela primeira vez em 1814 pelo artista Katsushita Hokusai para batizar uma coleção de gravuras.
A forma atual surgiu depois da segunda guerra, pelas mãos de Osamu Tezuka, o maior quadrinista japonês.
Aos poucos, os personagens, que eram parecidos com os dos comics americanos, ganharam estilo próprio.
Como em qualquer publicação japonesa, é de trás para frente que
se lê um mangá. As páginas são viradas da esquerda para a direita. A
fórmula é bem definida: capa e algumas páginas coloridas. O resto, em
preto e branco.
Uma linguagem cinematográfica, em que parte da história é
contada apenas com imagens, e as linhas dão sensação de velocidade. Os
personagens têm características marcantes: são magros, têm pernas
alongadas, cabelos pontudos e, o mais importante: olhos grandes, que
expressam sentimentos.
"Eles desenham olho grande porque para o oriental é a janela da
alma, então, você olha pra dentro da alma do personagem", explica
Careimi Assmann, pesquisadora de animé.
Sem cerimônia, muitos aparecem sem roupa. Mangás eróticos são
apenas uma categoria do mercado, que tem publicações específicas para
meninas e meninos.
Fã de histórias de aventura, Tiago quer virar profissional. Ele
é um dos 500 alunos que passaram por uma escola de desenho de mangá, em
São Paulo.
Enquanto não consegue uma editora, imprime e vende em eventos as revistas que produz.
"É uma coisa que está crescendo e eu acredito que é uma coisa
que vai continuar crescendo. O principal é fazer, produzir, praticar
muito, ter um trabalho bom, consistente, sólido", Thiago Spykid,
designer gráfico.
Assim como os americanos, o sucesso também fez os japoneses trilharem o caminho dos quadrinhos para as telas.
As animações produzidas a partir dos anos 60 conquistaram o mundo na década de 90.
As histórias mantêm viva a tradição, abordam problemas de relacionamento, e exploram o sobrenatural.
Com o sofisticado "A viagem de Chihiro", os animês fizeram até
Hollywood se curvar. O filme ganhou o Oscar de animação em 2003,
batendo concorrentes americanos.
Às vezes o animê ganha carne e osso. “Essa aqui é a Jô de
Bakuretsu Tenshi ou Burst Angel. A Jô é como se fosse uma soldada
assim, ela foi treinada, ela nasceu pra lutar, é uma guerreira nata”,
diz Lola Louro, estudante.
Jô, na verdade é Lola, praticante de cosplay, uma brincadeira
em que ganha quem fica mais parecido com os ídolos dos quadrinhos e
desenhos animados.
Em feiras como o Mercado Mundo Mix, essa turma libera a
criatividade. A fantasia se completa com uma performance. E pra quem
acha tudo isso meio esquisito, Lola ou Jô de Bakuretsu Tenshi
esclarece:
"Tem gente que pensa: ai meu Deus do céu, eles são loucos, se
vestem assim durante o dia, não, isso não existe, a gente faz isso pra
se divertir, é um hobby com qualquer outro, só que a gente é o nosso
próprio herói durante um dia", diz.
Se você gosta de mangás, pode criar suas próprias histórias e personagem e enviar para o e-mail: japaonojg@redeglobo.com.br. Os melhores serão publicados no site do Jornal da Globo.
Na reportagem de amanhã, a milenar arquitetura japonesa. E os
novos conceitos que estão saindo das pranchetas dos arquitetos de
vanguarda.
O uso de materiais naturais que ajudam a manter a temperatura
agradável o ano todo. E a relação do homem com a casa e com o jardim -
espaços cheios de simbolismos.

Veja a reportagem
avatar
Haruhi Yakuza

ㅤ

Feminino Número de Mensagens : 14
Idade : 27
Cidade : São Paulo
Anime/mangá favorito : Suzumiya Haruhi no Yuuutsu
Frase : Yakuza comanda!!!
Data de inscrição : 19/06/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal da Globo: O mundo dos Mangás

Mensagem por Albino em Sex 18 Jul 2008, 23:01

Eu fiz de tudo pra ver essa reportagem(pela internet mesmo), mas não consegui de jeito nenhum...

_________________


"Porcos eu não sei, mas a Superpig voava!"
avatar
Albino
Moderador
Moderador

Masculino Número de Mensagens : 48
Idade : 28
Cidade : Rio de Janeiro
Anime/mangá favorito : Inúmeros...
Frase : Mais do que uma luz, alguém que o tirará da escuridão!
Data de inscrição : 29/04/2008

Ver perfil do usuário http://animemangaetvpaga.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal da Globo: O mundo dos Mangás

Mensagem por Laiana_vamp em Seg 27 Out 2008, 20:49

Também tentei ver mas não consequi
avatar
Laiana_vamp

ㅤ

Feminino Número de Mensagens : 3
Idade : 25
Cidade : rio de janeiro
Anime/mangá favorito : inu yasha,Death note,xxx holic,sakura card captor,naruto,on piece,nadia,super gatinhas,etc....
Frase : um sonho para se realizar basta você querer e lutar por ele....
Data de inscrição : 27/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornal da Globo: O mundo dos Mangás

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum